Mensagem: Que 2022 seja de muito diálogo

“Quando há um diálogo verdadeiro, ambos os lados estão dispostos a mudar. ”

Thich Nhat Hanh

Por Zander Fábio

Sempre acreditei no diálogo e entendo que não construímos nada sozinhos. Diálogos transformam, motivam, compartilham e formam redes. Diante da construção dos diálogos entre as pessoas, me proponho como sempre a construir propósitos e buscá-los junto com a comunidade para a cultura de Goiânia em 2022.

O nosso propósito é servir os munícipes com cultura nos mais de 640 bairros da capital, no ano que inicia e, que seja, mais um de dedicação e trabalho. Tomo diante de toda a população o compromisso de dedicar toda a minha energia para transformar a nossa cidade e torná-la uma referência de gestão do patrimônio cultural material e imaterial, seja com projetos de incentivos ou de valorização de todas as formas e manifestações culturais.

Estou convicto que, somente pelo diálogo, nós temos as condições de transformar tudo isso juntos. Conto com cada contribuição, a fim de construirmos nossa história e da cultura, com mais investimentos, desenvolvimentos de projetos culturais e mais geração de emprego na economia criativa.

O acesso à cultura é um direito e as Secretarias de Cultura são as responsáveis em materializá-lo. É necessário ouvir e dialogar com cada segmento cultural. A garantia do direito ocorrerá com o diálogo para iluminar os pensamentos, abrir os caminhos, estimular novas ideias e abrigar outros pontos de vista. Sobre as políticas públicas culturais continuamos sempre dispostos à conversa, por isso, criamos o modelo de gabinete itinerante com três pontos de atendimento.

Que 2022 seja de muitos diálogos com todos os segmentos culturais e em parceria com o Conselho Municipal de Cultura, após ouvir todos, e consultar as organizações não governamentais ligadas ao setor e os sindicatos com conexão direta ao segmento e os poderes teremos a construção do projeto de gestão cultural realmente democrático, plural e tolerante. Ele é parte essencial dos objetivos para o próximo ano no processo de construção de políticas públicas culturais municipais ligadas à realidade social de cada bairro e consistente de acesso à cultura.

Nós sabemos que o ano exigirá um pouco mais de cada um de nós para que os diálogos avancem para a realização dos desejos, propósitos e os sonhos virem realidade. Porém é para uma causa nobre: a valorização da nossa cidade e legado cultural para as próximas gerações.

A Secretaria Municipal de Cultura de Goiânia com a ajuda de todos os munícipes, a principal catalisadora da cultura local, coloca-se à disposição para ouvir e oferecer oportunidades para o surgimento de novos talentos promovendo o acesso da população aos bens culturais do presente e do passado.

Zander Fábio

Zander Fábio é Secretário Municipal de Cultura de Goiânia

Denilson Alves

Editor do Portal Nosso Goiás